ONU: violência no Quirguistão já provocou pelo menos 400.000 refugiados

Fonte: AFP

Refugiados da etnia uzbeque tentam cruzar a fronteira do Quirguistão: pelo menos 400.000 já deixaram o país

A recente onda de violência étnica no sul do Quirguistão provocou um êxodo em massa da população, com um saldo de pelo menos 400.000 refugiados e deslocados, informou nesta quinta-feira à AFP uma porta-voz da Agência de Coordenação para Assuntos Humanitários da ONU, Elisabeth Byrs.

A violência étnica entre quirguizes e uzbeques deixou 191 mortos e cerca de 2.000 feridos, segundo um novo balanço do ministério quirguiz da Saúde.

“Segundo as últimas estimativas das agências da ONU, há pelo menos 400.000 pessoas refugiadas e deslocadas por causa da violência entre membros das etnias quirguiz e uzbeque que explodiu na semana passada o sul do Quirguistão”, explicou Byrs.

“Nossa estimativa do número de deslocados é agora de 300.000 pessoas”, acrescentou, referindo-se a um balanço da situação estabelecido pelas agências humanitárias da ONU.

O número de refugiados no Uzbequistão é calculado entre 75.000 e 100.000 pessoas, contando apenas os adultos, segundo a porta-voz.

A agência afirmou ainda que a ajuda humanitária começou a chegar a conta-gotas aos refugiados uzbeques.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: