Refugiados de Angola mostram sua arte no “Revelando São Paulo”

Fonte: ACNUR

Dois refugiados angolanos que vivem no Brasil participam, a partir de amanhã (10/09), da 14ª edição do evento “Revelando São Paulo”, exibindo diferentes manifestações artísticas influenciadas pela cultura do seu país de origem. Os angolanos representam o maior grupo entre os cerca de 4.200 refugiados que vivem no Brasil. O evento “Revelando São Paulo” acontece no Parque da Vilha Guilhermina, em São Paulo, entre os dias 10 e 19 de setembro.

Bantu Tabasisa chegou ao Brasil em 1993 e é o coordenador do Grupo Cultural Tribo Bakongo Kingoma da Áfrika, que representa o continente por meio de artes plásticas, percussão, dança, canto, peças teatrais e culinária. Tandu, outro angolano que vive no Brasil desde 2001, é pintor autodidata e se dedica a esta arte desde 1992, dominando especificamente as técnicas de areia sobre tela, raspagem e obras talhadas por espátulas. Ambos estarão em um stand organizado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) e pela Cáritas Arquidiocesana de São Paulo, no qual também será distribuído material informativo sobre a proteção e a assistência a refugiados no Brasil.

O “Revelando São Paulo” é um grande encontro da cultura paulista que busca mostrar a herança e identidade cultural oriundas de 200 municípios do Estado, com a presença de 250 grupos artísticos e folclóricos, 240 espaços de culinária e artesanato, rancho tropeiro e cavalhadas.

A Cáritas é uma organização da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e faz parte da Arquidiocese de São Paulo. Há 21 anos a Cáritas Arquidiocesana de São Paulo desenvolve o Programa de Apoio e atendimento aos Refugiados. Por meio do Centro de Acolhida para Refugiados, acolhe e atende diretamente os solicitantes de refúgio e refugiados (homens, mulheres e crianças) que buscam proteção, assistência e integração no Brasil – a população atendida atualmente é de aproximadamente 1,8 mil pessoas.

O ACNUR foi criado em 1950 para proteger e assistir às vítimas de perseguição, intolerância e violência. Atualmente, mais de 35 milhões de pessoas estão sob seu mandato, entre solicitantes de refúgio, refugiados, apátridas, deslocados internos e repatriados. De acordo com as últimas estatísticas do Comitê Nacional para Refugiados (CONARE), o Brasil possui 4.294 refugiados procedentes de 73 países, sendo que 1.688 (39,3% do total) são angolanos, 589 (13,7%) colombianos, 420 (9,8%) congoleses, 259 (6%) liberianos e 199 (4,6%) iraquianos.
Para outras informações sobre a participação dos refugiados nesse evento, fale a Unidade de Informação Pública do ACNUR no Brasil (Janaína Galvão / 61.3044.5720 / 61.9238.1769), ou com a Cáritas Arquidiocesana de São Paulo (11.3241.3239)

SERVIÇO
Data: 10 a 19 de setembro de 2010 / Horário: das 09h às 22h
Local: Parque Vila Guilherme/Trote e Mart Center
Endereço: Avenida Nadir Dias de Figueiredo s/n – Vila Guilherme
Entrada franca

Para mais informações sobre o evento “Revelando São Paulo” entre em contato com: Diego Dionísio – (11) 9688.8412 – imprensa@abacai.org.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: