Chipre teme possível onda de refugiados da Síria

Fonte: O Estado de S.Paulo

O ministro das Relações Exteriores do Chipre disse que as autoridades do país estão montando planos de contingência para lidar com uma possível onda de imigrantes da Síria. Hoje, famílias sírias da cidade de Talkalakh cruzaram a fronteira com o Líbano, buscando refúgio no país vizinho.

O governo libanês não anunciou nenhuma ação para lidar com uma possível onda de refugiados, mas o chanceler cipriota, Markos Kyprianu, disse que outros países vizinhos elaboram planos de contingência para tal eventualidade. A ilha do Chipre, que faz parte da União Europeia (UE), fica 110 quilômetros ao leste do litoral sírio.

A repressão do governo sírio aos protestos, que irromperam em 18 de março, já deixou mais de 450 mortos, segundo grupos de defesa dos direitos humanos. Kyprianu disse que a UE precisa apoiar os países membros do sul do bloco, que estão lidando sozinhos com o impacto das imigrações provocadas pelas revoltas e problemas políticos no Oriente Médio e Norte da África. As informações são da Associated Press.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: