Eventos celebram Dia Mundial do Refugiado no Brasil

Fonte: ACNUR

Atividades acontecerão nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Guarulhos (SP) e Itatiba (SP).

Diferentes atividades em várias partes do Brasil marcarão, na próxima segunda-feira (20 de junho), as comemorações do Dia Mundial do Refugiado no país. Abertas ao público, as atividades contarão com a presença de refugiados, autoridades públicas, funcionários do ACNUR e cidadãos comuns interessados na causa do refúgio. Os eventos acontecerão nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre, Guarulhos (SP) e Itatiba (SP).

Nas capitais, será instalado um estande da campanha “Calce os Sapatos dos Refugiados”, que promove a tolerância e a integração dos refugiados e de outras populações sob o mandato do ACNUR. O público será convidado a participar da campanha e experimentar a sensação de ser um refugiado – entendendo, dessa forma, a situação e as necessidades destas pessoas. Nas cidades envolvidas (com exceção de Porto Alegre), refugiados prepararão comidas típicas e farão apresentações artísticas para o público, propiciando uma oportunidade de interação com todas as pessoas simpáticas à causa do refúgio.

O ACNUR também divulgará no dia 20 de junho, em entrevistas coletivas no Rio de Janeiro e em São Paulo, o relatório Tendências Globais 2010, que apresenta as estatísticas mais recentes sobre refúgio, apatridia e deslocamentos forçados em todo o mundo. Os números atualizados sobre refúgio no Brasil, produzidos pelo Comitê Nacional para Refugiados (CONARE) serão divulgados nas entrevistas coletivas.

Atividades adicionais acontecerão no Rio e em São Paulo. Na capital fluminense, durante o seminário “Integração Local dos Refugiados” (local e horário abaixo), será apresentado o documento de referência do Plano Estadual para Refugiados, preparado pelo Comitê Estadual Intersetorial de Políticas de Atenção a Refugiados no Rio de Janeiro. Na capital paulista, haverá uma oficina gastronômica no SESC Carmo, com a participação de refugiados e refugiadas preparando pratos típicos de seus países de origem. Esta oficina marcará 15 anos de parceria entre a Cáritas Arquidiocesana de São Paulo e o SESC no atendimento a refugiados que vivem na capital paulista.

Veja a seguir a programação detalhada do Dia Mundial do Refugiado no
Brasil:

●       Rio de Janeiro (20 de junho de 2011)
A entrevista coletiva para lançamento do relatório Tendências Globais 2010 acontecerá às 10h30, na Capela Ecumênica do campus Maracanã da UERJ (Rua São Francisco Xavier, 524 – Maracanã), com a presença do representante do ACNUR no Brasil, Andrés Ramirez, e do Diretor da Cáritas Arquidiocesana do Rio de Janeiro, Candido da Ponte Neto. Após a coletiva, os jornalistas poderão visitar o estande da campanha “Calce os Sapatos dos Refugiados”, montado no campus da UERJ (entre a Concha Acústica e a Capela). No local, acontecerão exposições de artesanatos produzidos pelos refugiados e roupas africanas, além de apresentação de coral e danças típicas. Os refugiados oferecerão serviços gratuitos de beleza e massagem aos convidados e poderão ser entrevistados pelos jornalistas presentes. A partir das 16hs, acontecerá o seminário “Integração Locas dos Refugiados”, promovido pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos.

●       São Paulo (20 de junho de 2011)
A entrevista coletiva para divulgação do relatório Tendências Globais 2010 acontecerá às 10h30, na Secretaria de Estado da Justiça e da Defesa da Cidadania (Pátio do Colégio, 184 – 1º andar – Centro – “Sala dos Anjos”), com a participação do porta-voz do ACNUR no Brasil, Luiz Fernando Godinho, o Secretário Especial de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo, José Gregori, e o Diretor da Cáritas Arquidiocesana de São Paulo, Marcelo Monge. O estande da campanha “Calce os Sapatos dos Refugiados” será montado no saguão de entrada da Estação Sé do Metrô de São Paulo (Entrada Catedral P4 – Praça da Sé, s/nº). Após a entrevista coletiva, os jornalistas serão convidados a conhecer o estande da campanha “Calce os Sapatos dos Refugiados”, onde poderão falar com refugiados que vivem em São Paulo. A oficina de gastronomia no SESC Carmo (Rua do Carmo, 147 – Centro) acontece às 18hs.

●       Porto Alegre (20 de junho de 2011)
Na capital gaúcha, as atividades da campanha “Calce os Sapatos dos Refugiados” começam às 10hs, no estande que será montado no hall de entrada da Câmara Municipal de Porto Alegre (Av. Loureiro da Silva, 255). Às 14hs, no plenário no Plenário Otávio Rocha, da Câmara Municipal, haverá uma sessão solene em homenagem ao Dia Mundial do Refugiado proposta pelo vereador Carlos Todeschini (PT), com a participação do Oficial de Proteção do ACNUR no Brasil, Gabriel Godoy, e da coordenadora da Associação Antônio Vieira (ASAV), Karin Wapechowski. Os números do relatório Tendências Globais 2010 serão divulgados durante a solenidade na Câmara dos Vereadores.

      Guarulhos e Itatiba (20 de junho de 2011)
Em Guarulhos (SP), um refugiado colombiano irá produzir empanadas para o café da manhã dos moradores do albergue municipal (Rua Harry Simonsen, 275), a partir das 07h00. Estarão presentes a Assistente de Reassentamento do ACNUR no Brasil, Cyntia Sampaio, o presidente do Centro de Defesa de Direitos Humanos de Guarulhos (CDDH), Expedito Leandro Silva, e o coordenador do projeto de reassentamento de refugiados do CDDH, Orlando Fantazinni. Em Itatiba, no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) San Francisco (Rua Mario Vitelo, s/n), uma refugiada colombiana fará cortes de cabelos gratuitos a partir das 09h00, com a participação da Assistente de Proteção do ACNUR, Isabela Mazão, e de assistentes sociais do CDDH.

As atividades do Dia Mundial do Refugiado neste ano são especiais, pois estão inseridas no âmbito das comemorações do 60º aniversário Convenção da ONU sobre o Estatuto do Refugiado, dos 50 anos da Convenção da ONU sobre a Redução da Apatridia e dos 150 anos de nascimento do explorador norueguês Fridtjof Nansen, o primeiro Alto Comissário para Refugiados da Liga das Nações (entidade que antecedeu a própria Organização das Nações Unidas).

Para outras informações sobre o Dia Mundial do Refugiado no Brasil, fale com a Unidade de Informação Pública do ACNUR, pelo telefone (61) 3044.5744, ou envie e-mail para brabrpi@unhcr.org

Outros contatos sobre esta programação são:

●       Sobre a programação no Rio de Janeiro: Cáritas Arquidiocesana do Rio de Janeiro (21.2567.4105 / 2567.4177) e Assessoria de Comunicação da UERJ (21.2334.2185 / 2334.0638).

●       Sobre a programação em São Paulo: Cáritas Arquidiocesana de São Paulo (11.3241.3239 / 3115.2674) e Conselho Municipal de Direitos Humanos (11.3397.1429 / 3397.1440).

●       Sobre a programação em Porto Alegre: Associação António Vieira (51.3254.0140) e Gabinete do vereador Carlos Todeschini (51.3226.4313).

●       Sobre a programação em Guarulhos e Itatiba: Centro de Defesa dos Direitos Humanos de Guarulhos (11.2358.9606).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: