ACNUR alerta para avalanche de refugiados no Sudão do Sul

Fonte: Rádio ONU

Por Eleutério Guevane

Desde a semana passada, o número de chegadas diárias subiu de 100, em agosto, para 500 pessoas

 

ACNUR estima em 8 mil o número de deslocados devido aos combates entre o exército sudanês e milícias no estado sudanês.

Mais de 8 mil pessoas fugiram de combates entre o exército sudanês e milícias no estado de Kordofan-Sul, anunciou esta sexta-feira o Alto Comissariado da ONU para Refugiados, ACNUR.

Em declarações a jornalistas, de Genebra, o porta-voz agência, Adrian Edwards, disse tratar-se dos primeiros refugiados a chegarem ao Sudão do Sul depois da sua independência, a 9 de Julho.

Fuga em Massa
O porta-voz deu conta da fuga maciça dos refugiados, após intensos a ocorrência de combates e ataques aéreos. Ele acrescentou que desde a semana passada, o número de chegadas diárias subiu de 100, em agosto, para 500 pessoas.

De acordo com a agência, a maioria dos deslocados caminhou durante dias para ter segurança no estado sul-sudanês de Unity, que faz fronteira com as regiões conturbadas do Abyei e os estados de Kordofan-Sul e Nilo Azul.

O ACNUR diz esperar que cheguem chegada de mais refugiados ao Sudão do Sul, devido aos bombardeamentos aéreos contínuos em  Kordofan-Sul.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: